Bife bem passado

Bife bem passado
Bife bem passado. Foto: Site/Seleções

O bife bem passado é conhecido por ser completamente cozido, sem nenhum traço de vermelhidão no centro. Esse método de preparo resulta em uma receita consistente, com pouca ou nenhuma suculência.

A aparência de porção é uniformemente marrom por dentro, sem nenhum traço de rosa ou vermelho. Sua textura é mais firme, podendo ser menos suculento comparado a cortes menos cozidos.

Bife bem passado

Ingredientes:

  • Bife (pode ser de diversos cortes, como contrafilé, alcatra, filé mignon)
  • Sal
  • Pimenta
  • Temperos a gosto (alho, ervas, etc.)
  • Azeite ou óleo para grelhar.

Modo de Preparo:

  1. Tempere o bife com sal, pimenta e outros temperos desejados, deixando descansar por alguns minutos.
  2. Aqueça uma frigideira ou grelha em fogo médio-alto.
  3. Adicione um pouco de azeite ou óleo na frigideira.
  4. Coloque o bife na frigideira e cozinhe por cerca de 4-5 minutos de cada lado para um bife bem passado.
  5. Retire o bife da frigideira e deixe descansar por alguns minutos antes de servir.

Dicas:

  • Use um termômetro de carne para verificar a temperatura interna. Para um bife bem passado, a temperatura deve atingir cerca de 70-75°C.
  • Evite perfurar o bife durante o cozimento para manter os sucos dentro da carne.
  • Deixe o bife descansar depois de cozinhar para redistribuir os sucos e garantir mais suculência.

Para muitos, o bife bem passado oferece uma sensação de segurança alimentar, já que está completamente cozido, eliminando qualquer preocupação com a ingestão de carne malpassada.

Apesar de ser uma preferência pessoal, a porção tende a ser menos suculento e pode parecer mais seco do que cortes menos cozidos. Contudo, o cozimento correto e a escolha de cortes de carne com um pouco mais de gordura podem ajudar a manter a suculência e o sabor.

Preparar um bife bem passado requer atenção para evitar que a carne fique ressecada. A escolha do corte de carne, o tempo de cozimento adequado e a adição de temperos e molhos podem fazer a diferença para manter o sabor e a suculência, mesmo em um bife mais cozido.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Classificação média: 0 / 5. Votos: 0